PORQUE NÓIS NUM TÁ AQUI PRA SER LEGAL

sexta-feira, 19 de maio de 2017

A justiça de olhos vendidos




O amigo da minha filha, com apelido de jogador famoso de futebol, está preso há cinco anos porque desesperou-se e foi conferir se era mesmo o companheiro de infância que jazia assassinado no meio da avenida. Acusado de chefe da quadrilha que tentou assaltar um PM, o companheiro de classe amarga o sol em quadradinhos – quando há – no x da questão.

Enquanto isso, na sala de justiça, o abominável aécio das neves, caminha de um lado a outro no angustioso espaço do lar. Quase livre das justiças, tenta livrar os parentes das medievais masmorras do nosso sistema prisional.

O abominável monstro das neves teme por ele e pelos parentes.

Mas Temer, tanto faz: dá de ombros. Mantém a pose e continua espalhando mijo e bosta nos currais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário