PORQUE NÓIS NUM TÁ AQUI PRA SER LEGAL

sábado, 3 de setembro de 2016

Militância, Racismo e Pipoca






Porque minha escola elegeu Monteiro Lobato como patrono da Academia Estudantil de Letras?



Porque a petição contra isso, puxada por mim e com apoio geral da nação não vai pra frente? Afinal, nenhum de nós é racista, apesar de que o Brasil inteiro reconhece que sim, ele existe e se junta ao machismo para nos colocar cada qual em seu devido lugar de pobreza ou riqueza, baseado no degradê das cores das almas sinistras?



Porque temos no bairro uma rua homenageando um eugenista mundialmente conhecido?



Porque o genocídio da população, da juventude, das ciranças negras não comove? Antes, virou um clichê (tipo bife e batata frita, leite com mel e vitamina C pra gripe?



Porque o jogo político e a eleição de x ou y é mais importante do que minha vizinha querida que mora em um barraco 2x2 com sete filhos, marido, cachorro e agregados? Se, tanto faz um louco, um psicopata, um pastor ou um “revolucionário”, se chegou ao poder, ou governa para a elite e faz o jogo, ou morre?



Porque somos mais comprometidos com os partidos políticos do que com a libertação política e econômica?



É porque somos pipoca.

Porque não fazemos o que deveríamos, porque estamos mais preocupados com o ibope no facebook do que com o cuidado com o próximo, com o trabalho de formiguinha, que funciona, mas não nos torna popular.



É porque nos falta coragem para dizer o que precisa ser dito e pipocamos chutando os cachorros mortos da moda.



No começo, nóis é duro, mas quando a chapa esquenta, a gente cresce, fica fofo, branco e pula fora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário